in , , ,

A escolha perfeita: ‘Clack Boom’ é a aposta musical do trio Katz em 2021

A nova canção ‘Clack Boom’, do trio feminino Katz, foi apostada para que os fãs a escolhessem como o mais novo single e primeiro lançamento das garotas este ano. Com a realização do videoclipe na quinta-feira (22) passada, o single já conta com 250 mil visualizações no Youtube e só tende a aumentar. A participação dos fãs na escolha da música concilia com a interação que as artistas vêm construindo ao longo dos meses na plataforma TikTok com a criação de trends de entretenimento. A música encontra-se disponível em todas as plataformas de música.

A obra ‘Clack Boom’ é fruto da escolha dos fãs entre três músicas apresentadas pelas artistas. O processo de escolha se deu por meio da criação de conteúdo no TikTok com as devidas músicas. A música que tivesse o maior número de criação feita pelos usuários seria o novo trabalho do trio. Assista:

Além de Clack Boom, as outras duas músicas catalogadas foram: ‘Na Na Na’ e ‘Me Ver Dançar’. Não está programado o lançamento das duas últimas, mas as artistas demonstraram respeito e carinho pelas canções – e esperam que, quando viável, possam mostrar aos fãs a vibe e a dança de cada uma. 

Com apenas dois dias antes de Katz lançar o desafio no TikTok, a música escolhida foi criada. Por ser o último projeto a ser desenvolvido, o processo de produção de Clack Boom exigiu um trabalho intenso entre as meninas e a equipe de produção, que tiveram apenas duas semanas para compor e criar a coreografia antes da gravação do clipe. 

A integrante Flavinha, natural de Cuiabá (MT), destaca que mesmo com a correria no processo de elaboração musical, a cada nova experiência o trio tem administrado melhor o tempo. “As coisas, com o passar do tempo, para nós, têm ficado muito mais dinâmicas. A gente tem tomado decisões mais rápidas, as coisas têm acontecido de uma forma mais rápida. Eu particularmente gosto muito disso, porque tá tudo muito rápido mesmo, as pessoas têm pressa”, afirma. 

Sobre os arranjos e a base da música, as meninas planejavam seguir ritmos alinhados à dança e ao TikTok. Um fato interessante é que muitas pessoas perceberam semelhanças da base com as músicas de tecnobrega, gênero muito utilizado na região norte e nordeste do Brasil. As artistas perceberam a conexão com o tecno apenas durante o ensaio coreográfico e adoraram.  

“Atendeu super nossas expectativas. A gente queria algo mais voltado para o TikTok, algo mais animado e que a galera poderia dançar junto com a gente, e tudo isso está acontecendo”, explica a vocalista mato-grossense.

Créditos: Seven Zee.

Embora o tempo curto tenha exigido a rapidez de toda a equipe de Katz, não foi nada fora do comum no cotidiano das integrantes. Com o público voltado para a internet, faz parte da rotina de Mayra, Flavinha e Bella produzirem mais de dez conteúdos semanais distribuídos em diferentes redes sociais – um trabalho que duplicou desde que passaram a investir no TikTok. O resultado de todo esse empenho as recompensou com a marca de 1 milhão de seguidores na plataforma, lhes destacando no mercado e recebendo o convite para participar do ‘Generation NXT’, promovido pelo TikTok Brasil, em que apoia, através de uma seleção, os principais artistas em ascensão na rede social. 

O sucesso digital por intermédio da plataforma não foi planejado pelas integrantes, sendo um dos motivos pelo qual elas mantêm a interação com o seu principal público. A experiência tem sido sensacional, destaca Mayra, a paulistana do trio. “Acho que aos poucos a gente tem se surpreendido dentro da plataforma. [Tentamos] sempre se esforçar, porque já somos mulheres dos anos 90, formadas, não somos mais adolescentes. [O aplicativo] tem trazido coisas surreais”, aponta. 

O talento de Katz não se atribui apenas aos seus lançamentos musicais e aos trends, o trio também interage com os seguidores fazendo covers de outros artistas. Esse formato de comunicação tem conquistado um espaço amplo das meninas para com outros artistas. As integrantes contam com alegria quando viram os reposts de seus vídeos feitos pelos grupos Now United e Spice Girls. “Quando que a gente ia imaginar que Spice Girls repostaria a gente nos stories delas? Now United? Tudo isso graças ao nosso trabalho”, ressalta Flavinha. 

Em uníssono, Katz concordam que a cada novo trabalho elas são presenteadas com um novo amadurecimento em diferentes áreas profissionais, o qual aperfeiçoa seus objetivos e auxiliam para o alcance de novos. A capacidade de inovar e se reinventar na internet, conjunta com os desejos de cada integrante, tem fortalecido o caminho percorrido pelas três até então. 

Créditos: Seven Zee.

Lançadas no mercado musical pela Universal Music, em agosto de 2020, com o sucesso ‘Efeito Dominó’, o investimento virtual beneficiou as integrantes para um futuro promissor, tanto no presente como pós-pandemia, possibilitando planejamentos para shows. Para Bella, vocalista mineira do Katz, os planos para montar shows estão no foco das artistas, que dispõem de muita animação para um contato mais presencial com os admiradores. 

“Com muita coreografia, muita performance, vocal. A gente não vê a hora de subir no palco, cantar para todo mundo, conhecer os nossos fãs e estar mais pertinho da galera”, revela Bella, contagiante. 

Flavinha acrescenta fazer parte da essência do Katz querer permear horizontes com os shows, e com o amplio da vacinação elas estão positivas para possíveis atividades presenciais. “Ver o rostinho de cada fã, escutar, pessoalmente, as pessoas cantando nossas músicas. Nascemos para isso. [Queremos] estar em cima do palco”, finaliza. 

Report

Written by Quezia Dias

Estudante de Jornalismo, nascida em Belém do Pará. Com 20 anos de idade, desde muito nova descobriu a paixão pela escrita e pela música.

Com estilo musical eclético, que vai desde o grupo sino-coreano EXO à banda britânica McFly, é prazeroso escrever sobre os hits do momento e a carreira musical de artistas. Além de acompanhar os principais filmes em destaque nos cinemas!

The Most Outrageous Kim Khasyian Outfits of All Time

DAY retrata drama da geração em seu novo álbum “Bem-vindo ao Clube”