Nation POP

“A Vida Invisível”, de Karim Aïnouz, abre o 29º Cine Ceará

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no telegram
Telegram

Noite contará com homenagem ao diretor cearense

A primeira noite da 29ª edição do Cine Ceará – Festival Ibero-americano de Cinema, sexta-feira (30/08), contará com a exibição do longa “A Vida Invisível”, de Karim Aïnouz (“Praia do Futuro” e “THF: Aeroporto Central”), que estará presente na sessão, junto com as atrizes Fernanda Montenegro, Carol Duarte, Julia Stockler, o ator Flavio Bauraqui e a produtora Mariana Coelho Nesta noite também acontece à homenagem ao diretor cearense Karim Aïnouz.

Também será realizada a entrega de certificados aos alunos do projeto Enel Compartilha Animação, com exibição do curta-metragem “A Máscara da Igualdade”, resultado da oficina de Cinema de Animação, conduzida pelo cineasta Telmo Carvalho, a partir das 19h30, no Cineteatro São Luiz.

A abertura será parte para convidados e parte aberta ao público, com distribuição de 200 ingressos na bilheteria do Cineteatro São Luiz a partir das 10h30 do dia 29/08. Para os outros dias, inclusive o encerramento, os ingressos estarão disponíveis na bilheteria, gratuitamente, uma hora antes do início de cada sessão.

Na Praça do Ferreira às 19h00 ocorrerá uma intervenção artística do grupo cearense Pifarada Urbana. Às 23h00 começa o projeto Música na Praça com show de Marcos Lessa.

O Filme de Abertura

O filme foi a indicação brasileira a concorrer uma vaga no Oscar 2020 na categoria Melhor Filme Estrangeiro e foi vencedor do prêmio de melhor filme na mostra Un Certain Regard de Cannes 2019 – primeiro filme brasileiro a receber o prêmio máximo na categoria. O longa conta a história das irmãs inseparáveis Guida, que sonha em casar e ter uma família, e Eurídice, a mais nova, pianista prodígio. Um dia, as duas são separadas para sempre e passam suas vidas tentando se reencontrar, como se somente juntas fossem capazes de seguir em frente.

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no pinterest
Pinterest
Compartilhar no telegram
Telegram
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp
Compartilhar no linkedin
LinkedIn
Compartilhar no email
Email
Conteúdos Relacionados: