in ,

Bienal Internacional do Livro Rio já tem oito autores internacionais confirmados

A Bienal Internacional do Livro Rio já tem oito autores internacionais com participação confirmada no maior evento literário do país. Cada um deles tem seu próprio grupo de leitores, o que reforça ainda mais o conceito de várias Bienais dentro de uma. Os convidados internacionais agradam aos mais diferentes públicos, com nomes de destaque em temas que vão da ciência política à leitura de mentes, passando por autores que tiveram seus livros transformados em filmes de sucesso em todo o mundo.

“A lista de autores internacionais confirmados já virou tradição. Para a edição deste ano já estamos com uma seleção de nomes de sucesso que tratam de temas atuais que vão de política ao autoconhecimento, além de romance e suspense”

diz Tatiana Zaccaro, diretor da Bienal.

Os que já confirmaram presença no evento são: Josh Malerman, Henrik Fexeus, Steven Levitsky, C.J. Tudor, Mark Manson, Rachael Lippincott, Marc Levy e Lisa Genova.

Consagrada como o maior evento literário do Brasil, a Bienal Internacional do Livro Rio, chega à XIX edição repleta de novidades. Esse ano o país homenageado do festival será o Japão, de onde virá uma delegação de autores para participar da programação oficial do evento e apresentar ao público a rica literatura Japonesa. O evento, promovido pela GL events Exhibitions e pelo Sindicato Nacional dos Editores de Livros (SNEL) acontece de 30 de agosto a 8 de setembro no Riocentro, na Barra da Tijuca. Em 2017, o festival reuniu 640 mil pessoas.

Este ano a Bienal do Rio estará repleta de novidades, que já serão notadas na chegada pelo Pavilhão das Artes, que abriga a maior exposição permanente indoor de arte de rua da América Latina. Ao entrar na galeria de arte, os visitantes terão acessos aos três pavilhões, pois a planta do evento foi redesenhada para dar mais conforto ao público. Serão várias bienais dentro de uma, com espaços bem definidos para cada perfil de público. O Fórum de Educação, por exemplo, com programação voltada para educadores e professores, será ampliado, apresentando a grande diversidade de possibilidades que envolvem a educação e os temas relacionados. “O festival é uma oportunidade única de interação entre os visitantes, as editoras e os autores”, completa Tatiana.

Saiba mais sobre os autores internacionais confirmados:

Josh Malerman (Intrínseca): autor sensação do best-seller Caixa de Pássaros, recentemente adaptado pela Netflix em filme estrelado por Sandra Bullock e John Malkovich. Também assina “Piano Vermelho” e “Uma casa no fundo de um lago”.

Henrik Fexeus (Record): o maior mentalista do mundo na atualidade. Especialista em linguagem não verbal e leitura de mente, é autor de “A Arte de Ler Mentes”.

Steven Levitsky (Zahar): autor de “Como as Democracias Morrem”. Professor de Ciência Política na Universidade de Harvard, seu foco de pesquisa se concentra na América Latina e no mundo em desenvolvimento.

C.J. Tudor (Intrínseca): autora do sucesso “O Homem de Giz”, seu livro de estreia. Ela, que trabalhava como passeadora de cães e largou a escola aos 16 anos, foi aclamada pelo mestre do terror Stephen King, que declarou ser seu fã. Seu livro mais recente é “O que aconteceu com Annie”.

Mark Manson (Intrínseca): autor do sucesso “A Sutil Arte de Ligar o F*da-se”, acaba de lançar seu novo livro, “F*deu geral”, dois grandes sucessos editoriais no Brasil. Ele fala sobre a pressão negativa que a perseguição do sucesso e da felicidade exercem sobre nós.

Rachael Lippincott (Globo Alt): “A cinco passos de você” é o primeiro romance de autora, de 24 anos. O livro virou filme que faturou mais de 70 milhões de dólares em bilheteria em todo o mundo. Além de escritora, ela é sócia de um food truck com a namorada.

Marc Levy (Planeta): autor de catorze romances, entre eles “A próxima vez” e “E se fosse verdade”, que deu origem ao filme de mesmo nome estrelado por Reese Witherspoon e Marc Ruffalo. Aos 57 anos, ele é o autor francês mais lido do mundo hoje.

Lisa Genova (HarperCollins): autora de “Para sempre Alice”, livro que inspirou o filme homônimo. Lançado em 2009, o título já vendeu mais de 150 mil exemplares no Brasil e acaba de ganhar uma nova edição. Em julho, será a vez de “A família O’Brien”, obra inédita em português, e até a Bienal, os livros “Com amor, Anthony” e “Nunca mais Rachel”, também da autora, serão relançados com capas inéditas. Lisa é Ph.D. em neurociência por Harvard, e viaja pelo mundo inteiro dando palestras sobre o Alzheimer e outros males da mente.

Veja também:

Erro de RSS: A feed could not be found at `https://nationpop.com/livros/feed`; the status code is `404` and content-type is `text/html`

Vá para a Bienal do Livro 2019 com Desconto

[ppromo_passagens tags=”Bienal do Livro” limit=”10″ origin=”RG_BRASIL” destination=”RIO” /]

Report

Written by Gabriel Lucas

23 anos, respira música mesmo não tendo dom para tal, super eclético, criador do Nation POP, compartilha um pouco de tudo que gosta.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Absolutamente tudo o que você precisa saber sobre Seguro Viagem

Lani Queiroz lança 5º volume de uma das séries eróticas mais vendidas do Brasil exclusivamente na Bienal do Rio