in

Hopi Hari Pride: festival LGBT reúne artistas para shows em celebração da diversidade

Neste sábado (23) houve a 4ª edição do Hopi Pride, festival LGBT do Hopi Hari, que encerrou na manhã do domingo (24). O evento contou com participações de nomes como Mateus Carrilho, Aretuza Lovi, Pepita, Lia Clark, Gloria Groove e Pabllo Vittar e um público animado de mais de 17 mil pessoas.

O festival foi dividido em três palcos: Eletrônik, com os principais nomes da música eletrônica tribal; Alterna, palco novo composto por DJs de indie e pop side-b; e Diversi, o principal palco localizado na Arena di Hopi Hari.

Além de mais de 40 brinquedos do parque, que foram uma atrações à parte, o público ficou dividido.

Gloria Groove comentou que eventos como o Hopi Pride são importantes porque são “um lembrete da luta por tudo que ainda podemos realizar” e, acima de tudo, a prova da força da comunidade LGBT. “É necessário destacar e estabelecer a potência do público LGBTQIA+ como consumidores de algo que conversa com a sua realidade, bem como reconhecer e valorizar o talento da comunidade ao montar um line-up”, comenta.

No palco, a cantora disse estar muito feliz de fazer parte do Hopi Pride e que eventos como esse são “a construção da comunidade LGBT”.

Pabllo Vittar encerrou a edição deste ano com muita animação e participação do público. A cantora subiu no palco depois de 03h30 e seguiu dançando e cantando até próximo de 05h00.

A drag queen cantou grandes hits, como ‘Problema Seu’ e ‘K.O’, e agradeceu o público pelo apoio de sempre

Report

Written by Let

23, jornalismo, pisciana ao pé da letra :)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Loading…

0

Importantes álbuns do cast pop da Universal Music fazem aniversário

Cardi B será protagonista de filme em 2020